Arquivo da categoria: Non classé

Primeira aula de audiovisual oferecida pela e-ducasport 2015

Lauriane et Nathalya font le point
Crédits photos, Gloria D’Escoffier pour Pedro II

Anteriormente, tivemos a honra de assistir a uma aula de esgrima em francês, fornecida pelo mestre de armas brasileiro Guilherme. Na última sexta-feira, 3 de julho de 2015, nossos alunos do Pedro II , Rodrigo, Andrea, e toda a equipe de 12 alunos do Pedro II assistiram sua primeira aula de audiovisual, juntamente com Lauriane, jornalista francesa, monitorados por Julien representando a Passe-Sport. Nossos 4 professores do Pedro II também acompanharam a aula em francês, familiriarizando-se, assim, às técnicas audiovisuais enquanto capturavam o momento com os seus próprios aparelhos em uma sala do Pedro II, campus Tijuca , no Rio de Janeiro.

leçon AV tableau

Agora, ajustar o balanço de brancos e fazer o enquadramento não são mais noções desconhecidas para os nossos jovens jornalistas aprendizes. E isso é bom, pois o curta-metragem de fim de percurso já está na cabeça de todos. Vamos esperar como os alunos irão compreender o tema, que está relacionado à democratização de esportes pouco conhecidos como a esgrima,o golfe ou a equitação. O desafio continua. Vemo-nos em agosto para uma aula de equitação no Colégio Militar da Tijuca. Os franceses, por sua vez, irão descobrir o golfe a partir da volta às aulas em setembro, tudo complementado por uma aula de audiovisual ministrada por nosso camarada Alexandre.

Passe-Sport solidário

Além da esfera humanitária, a Passe-Sport ajuda o projeto solidário de um grupo de amigos do Rio que beneficia da logística da associação chilena Teto, por vocação caritativa.

Somos uma equipe de amigos franco- brasileiros: Erika, Helen, William, Jennifer, Julien, Karlla , Lara, Larissa, Melanie e Natália, unidos para financiar uma casa que vai abrigar uma família em uma comunidade de um subúrbio pobre do Rio.

Ao lado do maior lixão a céu aberto da América Latina, eles vivem pelo momento em barracas precárias feitas de madeira, folhas de metal, papelão ou qualquer coisa que eles podem encontrar nas proximidades, muitas vezes sem água e sanitátios. Queremos proporcionar um teto a de uma das famílias da comunidade.

Para ler a continuação, clique nos links abaixo:

http://www.kisskissbankbank.com/fr/projects/un-toit-pour-un-nouveau-depart

https://www.vakinha.com.br/vaquinha/construindo-um-novo-lar

A língua francesa no Vidigal, #1

O projeto Première, la scène au service du vivre-ensemble, apoia a aprendizagem da língua francesa de um público de jovens artistas, moradores cariocas das favelas (Vidigal), brasileiros e franceses. Com base numa aquisição linguística durável, o projeto tem como objetivo a produção e a encenação de vários ensaios teatrais, em português e em francês. A aprendizagem é feita com auxílio de franceses nativos através de ateliês, encontros, monitoração e debates que favoreçam a criação de situações e histórias a serem escritas. O projeto Première, cena ao serviço da convivência pretende considerar a situação sociocultural existente no Morro do Vidigal, além de permitir a imersão da convivência entre, de um lado, brasileiros de comunidades locais, e, de outro lado estrangeiros, franceses nativos e moradores temporários de Vidigal.

#11 Montmartre, campo de jogo franco-brasileiro.

terça 18 de novembro de 2014, Montmartre, Paris.

É com grande alegria que nosso alunos franco-brasileiros participaram do jogo e-ducasport: conhecido como “caça ao tesouro”, foi sob um clima ameno, ainda que bastante fresco, que Passe-Sport deu o pontapé inicial para realização dessa atividade interdisciplinar, tendo a mixité ou seja miscigenação/diversidade como ponto central.

Marcada pelos pontos culturais de Montmartre, tudo correu brilhantemente, e toda a equipe franco-brasileira parece ter se divertido.

Durante a estadia de uma semana em Paris, nossos 14 jovens brasileiros do Colégio Pedro II, acompanhados de 5 professores, viveram uma experiência enriquecedora ao praticar a língua francesa por intermédio desse jogo. Sabemos que não é fácil comunicar-se em uma língua estrangeira, mas os nossos brasileiros, com todos os seus recursos, surpreenderam toda a equipe.

Assim como os alunos do Colégio de Nelson Mandela da Blanc- Mesnil, armados com a língua francesa, conseguiram evitar as armadilhas montadas pelo jogo, e conduziram os seus colegas brasileiros ao Parvis du Sacré Coeur.

Confira nossa equipe franco-brasileira em ação, e divirta-se com esse último episódio da parceria e-ducasport/Cap Brésil 2014. (Não se esqueçam das legendas)

Le documentaire

MINHA COPA propose la réalisation d’un travail de mémoire documentaire du temps présent qui
épouse le point de vue des populations de Rio de Janeiro à l’occasion de la Coupe du monde de
football au Brésil. Alors que l’essentiel des productions télévisuelles et cinématographiques ayant
trait au Mondial et aux Jeux Olympiques au Brésil a vocation à être diffusé au moment de
l’événement (programmes de flux, reportages, films de circonstance…), MINHA COPA
, et le projet
pédagogique numérique E-DUCASPORT qui en est à l’origine, ont pour ambition de constituer une
mémoire documentaire de l’événement dans la ville de Rio du point de vue des Brésiliennes et des
Brésiliens qui y vivent au quotidien. A travers les aspirations personnelles et les préoccupations
collectives des personnages qu’il accompagne, le film donne à voir la situation locale (contestation
sociale, corruption, gentryfication, incurie des services publics…) et globale (financiarisation et surmédiatisation
du football, scandales liés à l’organisation et à la FIFA, contestation des « grands
projets inutiles » par la société civile mondiale) d’une Coupe du monde qui fait l’Histoire au jour le
jour, tout en créant les conditions cinématographiques d’une prise de parole citoyenne par les
habitants.